Altavista Oftalmologia » Blog Archive Moscas Volantes - Altavista Oftalmologia

Especialidades

Moscas Volantes

O QUE É?
Com o processo natural de envelhecimento, o vítreo – o fluído gelatinoso que preenche o globo ocular – contrai-se, podendo separar-se da retina em alguns pontos, sem que isto cause obrigatoriamente danos à visão. As moscas volantes são minúsculos torrões condensados do vítreo, tecnicamente chamados grumos, formados quando partes do vítreo se separam da retina. Embora pareçam estar na frente do olho, na realidade, elas estão flutuando no vítreo, dentro do olho. Às vezes as moscas volantes não interferem na visão. Mas, quando entram na linha de visão elas bloqueiam a luz e lançam sombras na retina, a parte posterior do olho onde se forma a imagem.
 
CAUSAS
As moscas volantes podem ter diversas causas, algumas graves e outras não. As moscas volantes que a pessoa vê por muitos anos com pouca ou nenhuma alteração, geralmente, não são graves. Mas, às vezes, ao soltar-se o vítreo rasga a retina em um ou mais pontos de maior aderência e alcança um vaso sanguíneo da retina causando sangramento. Quando isto ocorre, os coágulos de sangue e o material vítreo podem aparecer como novas moscas volantes. Neste caso, as moscas volantes são sintoma de um problema que pode tornar-se grave. Os rasgos necessitam atenção médica imediata, a fim de evitar que se transformem em descolamento de retina com risco de perda parcial ou total da visão.
 
Ocorrem com maior freqüência após quarenta e cinco anos entre as pessoas que têm miopia, as que se submeteram à cirurgia de catarata ou ao tratamento YAG Laser e também entre as que sofreram inflamação dentro do olho.
 
SINTOMAS
 
Muitas pessoas vêem pequenos pontos escuros, manchas, filamentos, círculos ou teias de aranha que parecem mover-se na frente de um ou de ambos os olhos. São as chamadas moscas volantes, percebidas mais facilmente durante a leitura e quando olhamos fixamente para o céu ou para uma parede vazia. Ao movermos os olhos as moscas volantes parecem mover-se rapidamente e, então, movimentam-se lentamente quando paramos de movimentá-los. 
 
TRATAMENTO
Não há um tratamento que elimine as moscas volantes. Algumas delas podem permanecer no campo de visão, porém muitas diminuem ou desaparecem com o tempo, deixando de incomodar. Se o descolamento do vítreo causar alguma lesão da retina, o oftalmologista orientará o tratamento que poderá consistir na aplicação de laser para bloqueio da lesão. Nas situações de maior gravidade, que tenham evoluído para um descolamento de retina, o tratamento possivelmente será uma cirurgia a ser realizada o mais rápido possível para evitar um maior comprometimento da visão.
 

MARQUE UMA CONSULTA

Ligue para (61) 3522-3232 ou se preferir clique aqui e encontre mais informações de contato de nossa clínica.

FALE CONOSCO

Tire suas dúvidas, envie-nos sugestões ou mensagens.